Buscar

#113º de 777 ✅ VERDADE RELATIVA x TRANSFORMAÇÃO CONTÍNUA

Atualizado: 13 de Set de 2018


COLOSSENSES 2:18-23


Ninguém vos domine a seu bel-prazer com pretexto de humildade e culto dos anjos, envolvendo-se em coisas que não viu; estando debalde inchado na sua carnal compreensão, e não ligado à cabeça, da qual todo o corpo, provido e organizado pelas juntas e ligaduras, vai crescendo em aumento de Deus. Se, pois, estais mortos com Cristo quanto aos rudimentos do mundo, por que vos carregam ainda de ordenanças, como se vivêsseis no mundo, tais como: Não toques, não proves, não manuseies? As quais coisas todas perecem pelo uso, segundo os preceitos e doutrinas dos homens; As quais têm, na verdade, alguma aparência de sabedoria, em devoção voluntária, humildade, e em disciplina do corpo, mas não são de valor algum senão para a satisfação da carne


Se alguém desobedece alguma regra, dogma, doutrina ou lei da sua religião está pecando...


Para a pessoa que já saiu do sistema e faz parte da Filosofia EQUI, sabe que quem deve ter “domínio e equilíbrio” é a própria pessoa, sabe que não existe proibição... O que não pode é ferir o próximo e também não pode ferir a si mesma, a ponto de perder o controle emocional e começa a ferir outrem. Quem é evoluído tem um grande privilégio porque não será cobrado, já evoluiu, ou seja, elastificou a sua consciência. O Apóstolo Paulo disse em “Romanos 14”; “aquele que não considera um dia superior ou mais sagrado que outro, isso inclui a questão do vinho e da alimentação; aquele que não considera em sua consciência como erro, descaminho ou despropósito, então para esse não é pecado, porque ele não se condena.”


Hoje quando temos a oportunidade de conversar com um jovem a respeito da Verdade ele diz: “Essa é a tua verdade!” Mesmo que você fale coisas evoluídas, fora do sistema, ele diz: “Isso é o que você está dizendo!” Tantas vozes, tantas religiões, líderes, nomenclaturas, metáforas, livros, histórias e tantas revelações... Quem é que está com a Verdade? Quem é o Caminho?


Existem círculos religiosos com Verdade. A Filosofia EQUI é só mais um interpretador de uma Verdade... Mas vem alguém e fala a verdade é JESUS! Mas é mais do que isso... Se uma pessoa morre neste momento e conheceu uma concepção de Verdade, é justo esta pessoa ser julgada ou condenada se ela não conheceu a tua interpretação de Verdade? Mas muitos se acham donos de uma "verdade absoluta" e com direito de condenar quem não segue essa verdade... E é exatamente contra isso que JESUS pregava, e os cristãos jesuínos

nunca entenderam...


Todo jovem hoje está sendo doutrinado para acreditar na VERDADE RELATIVA, mas ela não existe. O que existe é TRANSFORMAÇÃO CONTÍNUA, mas podemos dizer por conta da TRANSFORMAÇÃO CONTÍNUA, através da TEOJUSTIÇA, que existe sim VERDADE RELATIVA. “I Coríntios 9”...


Seja sábio quando tiver a oportunidade de sentar com um jovem para conversar sobre esse assunto, não diga “Não”, primeiro pelo poder psicológico do não, e não só por isso, porque também é verdade ele dizer que existe "Sim", VERDADE RELATIVA. Ela existe porque todos realmente tem uma INTERPRETAÇÃO de VERDADE...


Se DEUS é capaz de falar com o homem, na linguagem do homem, dando detalhes; então por que a Bíblia não é detalhada?


Se existe verdade relativa e ao mesmo tempo não existe como eu sempre ensino o evoluído responder "sim e não", esta também deve ser a resposta para esta pergunta, mas existe TRANSFORMAÇÃO CONTÍNUA porque estamos sempre em evolução, e a cada momento que vivemos a grandeza de DEUS também se manifesta e continua a evoluir em nós, por isso JESUS falou: "a quem mais é dado ou concebido evolução, mais será exigido", porque existe uma evolução, uns recebem mais e outros menos. E como será o julgamento de DEUS?


Foi o CRIADOR quem fez e permitiu diferentes temperamentos, biotipos e cores diferentes no ser humano e tudo isso age no homem sem a interferência direta DELE. Vamos analisar as seguintes questões: Se uma pessoa pobre, com uma história difícil, nasceu e viveu na pobreza, DEUS julgará ela igual àquela que nasceu na riqueza? Se uma pessoa foi abusada sexualmente na infância vai ser julgada igual à outra que foi criada com toda proteção e carinho? Qual é o teu padrão? Qual é a tua verdade? Ontem na tua religião não podia fazer algo, hoje pode... Portanto o julgamento de Deus não é com base na interpretação do homem, mas com base na TRANSFORMAÇÃO CONTÍNUA.


Exemplo: uma pessoa foi “católica” por dezoito anos e para ela nesses dias fazer tal coisa era pecado segundo a concepção do catolicismo, até que um dia ela se torna “espírita kardecista” pelo período de um ano, então seus dogmas, sua concepção religiosa é mudada, sua visão de mundo na transformação contínua foi alterada, porque a verdade dela foi interpretada, e portanto ela é relativa. Depois essa mesma pessoa se torna “evangélica” por dez anos, onde são outros dogmas, tem outra concepção de verdade, outra interpretação, porque a verdade é relativa... Ou seja, não tem nada claro tudo é nuvens escuras, nebulosas. Paulo disse: ‘agora eu vejo como um espelho embaçado...’, com essas palavras ele estava afirmando: Aqui nesse crivo a VERDADE é RELATIVA, cada um tem a sua verdade e interpreta de um jeito sejam fariseus, saduceus, essênios, samaritanos, gregos, etc... E quem está certo em toda essa confusão?


“Atos 17” diz que: DEUS não leva em conta o tempo da ignorância. Por que ELE não leva em conta? Porque a vida é baseada na TRANSFORMAÇÃO CONTÍNUA...


Quando a pessoa evolui e compreende que DEUS é o mesmo que fazer BEM ao próximo e Diabo é o mesmo que fazer MAL; será dentro desta concepção da vida evoluída que ela tem hoje, que será julgada, ou seja, dentro da TRANSFORMAÇÃO CONTINUA.


Portanto se na sua religião é errado fazer tal coisa e você faz, você está pecando, mas não está errado o dogma em si, mas porque você está desobedecendo aquilo que dentro de uma agremiação onde você está inserido, aprendeu como BEM; se para você naquela concepção da elastificação da tua consciência, ainda fechada, presa, com um véu diante dos olhos, aquilo é errado, então é pecado...


Como o budista, hinduísta, islâmico ou agnóstico será julgado? Então qual é a concepção? Todos têm DEUS e diabo? Quando o homem deseja “ora”, faz o Bem, tem DEUS e quando deseja e faz o contrário tem diabo...


O ateu afirma que não pertence a círculo religioso nenhum, mas ele também tem uma concepção interna de Bem e Mal. Todos nós temos essa concepção, tanto, que não existia Escritura e nenhuma lei quando Caim matou Abel, mas ele fugiu de DEUS com vergonha, porque a consciência dele acusou que aquilo que ele havia feito era errado. É a nossa consciência dentro do nosso grau de evolução que avalia o bem e o mal, ela julga e nos condena, e isso que significa “diabo”, acusador... Ela acusa se dentro da cultura ou educação que temos e adquirimos, que nascemos e crescemos, dentro das nossas experiências, o que está errado...


De modo que todos nós passamos pelo mesmo crivo, mais ou menos evoluído, ignorante ou educado, rico ou pobre. Por isso “Apocalipse 20” diz: "estarão lá os grandes e pequenos, pobres e ricos, livres e escravos, todos estarão lá, evoluídos ou não, irão comparecer"; porque dentro da VERDADE RELATIVA e TRANSFORMAÇÃO CONTÍNUA serão julgados, dentro daquilo que aprenderam.


A pessoa ao tomar conhecimento dessas verdades, ao se libertar pode até dizer: “me libertei dos dogmas, das prisões, nada mais me prende, nada mais é pecado para mim, agora posso tudo...” Ao pensar assim ela estará mentindo para si mesma, porque “pecado” não é a concepção mística religiosa, significa “erro” e toda vez que ela errar a sua consciência vai acusar.


Uma pessoa pode não saber nada de religião nenhuma, não ler a Bíblia, não querer evoluir, mas nunca irá fugir da voz da sua consciência, que vai falar com ela exatamente no mesmo nível da sua evolução. Porque DEUS está dentro dela, através da sua consciência operando o disjuntor na biescolha do BEM e do MAL...


Ninguém foge da sua consciência, para onde uma pessoa for e quanto mais evoluir, mais cresce o padrão dela e o paradigma de DEUS aumenta para ela... A quem mais é dado, mais é exigido, porque vai ampliar a visão e mais coisas vão aparecer para ela como sendo erradas ou não... A consciência vai trabalhar mais, antes a Voz da Consciência era mística, não trabalhava muito; esse é um dos problemas de ser evoluído...


A EVOLUÇÃO faz a VOZ da sua CONSCIÊNCIA falar muito com você.


Agora sim, como nunca antes podemos ter a revelação de “Romanos 14”, é isso que o Apóstolo Paulo estava querendo dizer; se o sábado é importante para você, então seja coerente e guarde o sábado, mas se você evoluiu, abriu os olhos e compreendeu que o ‘Shabbat’ é JESUS, e que esse ritual é insignificante então não guarde o sábado...


As concepções, interpretações e dogmas mudam, mas o Mal e o Bem estão presentes na vida de todo ser humano e todos serão julgados por aquilo que aprenderam ser Bem e Mal;

de modo que ninguém poderá enganar o CRIADOR...


Agora entendemos O AMOR de DEUS e como será o SEU JUÍZO, e o que determina a sua existência “salvação” ou inexistência “perdição”, são suas escolhas mediante a cultura que recebeu dos seus pais. Intitulado pastores, padres, médiuns, freiras, não serão tão julgados como diz “Hebreus 13.17” e “I Pedro 5” como serão os pais... O ancião do lar com ou sem Bíblia, com qualquer concepção de verdade que for, deve ensinar o bem e o mal para seus filhos. São os pais que dão a base, os principais conceitos e valores morais para os filhos, portanto você será culpado de tudo que ensinou aos seus filhos.


Os maiores problemas nos consultórios terapêuticos e psicológicos hoje em dia, são devido à ausência de pai ou mãe na infância, e às vezes os pais são presentes fisicamente, mas ausentes emocionalmente; sem contar os pais que dão maus exemplos... Seja pais de sangue ou "pais espirituais", guias, "paternidade espiritual", no sentido de guiar, também serão culpados... Porque a quem muito foi dado “cultura”, muito será exigido e a quem muito foi confiado, muito mais será pedido.


SELÁ! É pecado transgredir a lei que você conheceu como sendo o BEM “DEUS”.


O problema não é ter desconhecimento da Lei de DEUS, o problema é transgredir a Lei que você considera ser DEUS, o “BEM”. É por esse fundamento que cada homem será julgado.


A Bíblia é o pretexto de DEUS, a forma prudente do CRIADOR poder no Juízo Final condenar ou salvar as pessoas, porque nela está contida a história de homens que passaram pela Terra e venceram o crivo... E a história por mais metafórica ou analógica, por mais tipológica e difícil de interpretar que seja, uma coisa é certa; a Bíblia é o livro de referências de pessoas que desejaram o bem e o mal, de pessoas que foram do bem e outras que foram do mal, isso ninguém pode negar.... Até quem não gosta da Bíblia é obrigado a admitir que ela fala de Bem e Mal.


Ouça seu diabo e corra para a Luz, permaneça nela, não saia do Lume...


Os fracos precisam de religião, cultos, misticismos, dogmas, doutrinas elementares, amuletos, imagens, proibições, exortações constantes e de livros sagrados como:

Bíblias, Torás, Alcorões...


Regras geralmente são feitas para conter os desordeiros e nortear os bons.


Quem precisa muito da Bíblia é porque ainda não é evoluído;

é fraco e não sabe seus limites...


© 2020, by AKEL, fundador da Filosofia EX, since 2012.