Buscar

#69º de 777 ✅ PIRÂMIDES do BEM e do MAL ✡ A AMBIGUIDADE da VIDA

Atualizado: 14 de Jul de 2018


Na AMBIGUIDADE da Vida tudo é um PARALELO, existem dois lados BEM e MAL.


Segundo a ciência existem 7 formas geométricas, e triângulos equiláteros por todo Universo...


‘FILIPENSES 4.11- 13’


Pode se dizer, que essa passagem na Escritura representa: “TRIÂNGULO PARA BAIXO” e “TRIÂNGULO PARA CIMA”. “Posso todas as coisas naquele que me fortalece.” É nada mais, nada menos que o HEXAGRAMA, os dois Triângulos que tenho ensinado, que representam o BEM e o MAL, muitos desconhecem a profundidade desse símbolo porque desconhecem YAH... Ele simboliza o conhecimento da AMBIGUIDADE de DEU; CRISTO e o Anticristo...


‘JÓ 2’


O BEM e o MAL são metafísicos, mas quando eles se corporificam, ou seja, que eles se materializam eles ganham títulos. ‘Satanás’ representa a personificação do MAL. Essa é a profundidade das coisas que eu tenho ensinado que poucos querem aprender... É o SENHOR quem enviou o Mal sobre toda a matéria do corpo de Jó. É ELE quem permite que o MAL atinja a Jó, quando ele perde filhos, bens, toda materialidade, sofre o desmaterializando literalmente, involuntário.


JÓ, JESUS E PAULO, foram referências, no sentido de ”se contentar com o que tem, em aceitar o bem e o mal”.


No zênite da sua dor Jó diz: Aceitei o BEM (PIRÂMIDE PARA CIMA) quando tinha saúde, prosperidade, tinha matéria, filhos lindos, apoio de todos, era admirado, rico. Por que não aceitaria o MAL (TRIÂNGULO PARA BAIXO)? Porque do carbono do pó da matéria viemos e para lá voltaremos... Essa é a ambiguidade da vida, a primeira questão...



A "ESTRELA DE DAVI" E O "SELO DE SALOMÃO"


A ESTRELA DE DAVI é David, “DVD” transliterado, “Dálet” “Vav” “Dálet”, representa O CRISTO, o Filho de David... “DVD” as letras que formam o tetragrama foram retiradas do proto-hebraico, e um ferreiro profissional e especialista naqueles dias, através do dom teve a brilhante ideia, uma excelente visão, quando nem designer existia; de ajuntar as duas letras “Dálet” do nome de David, unindo-as, colocando uma para baixo e outra para cima, formando um logotipo, uma logomarca, para o reinado e o exército do Rei Davi. Por isso até hoje essa marca do escudo dos soldados do Rei Davi, passou a ser um amuleto, com a ideia de proteção e segurança.


Mas esse símbolo não representa só o BEM, CRISTO, David, Filho de Davi. Ele também passou a ser o 'SELO DE SALOMÃO'. É usado no ocultismo, na mais alta bruxaria, ele passou a ser o símbolo do Anticristo ‘666’, representa o filho de Salomão, o MAL.


O mesmo símbolo representa a AMBIGUIDADE da vida, representa BEM e MAL se perguntar para um membro de uma sociedade secreta, da umbanda, do candomblé, cada um vai ter um significado para esse símbolo, para os católicos e evangélicos também tem outro significado, mas aqueles que mais conhecem da profundidade desse símbolo, sabem que esse símbolo representa “CÉU e INFERNO” “BEM e MAL” “CÉU e TERRA” “ASSIM NO CÉU, COMO NA TERRA”. Ele é acesso à portais dimensionais metafísicos esotéricos. Você não imagina o quanto esse símbolo representa toda a ambiguidade da vida...


É por isso que nós somos crivados nesse mundo, o crivo do ‘fruto’ da ciência do bem e do mal, que é o TER, SER E PODER. O próprio sistema religioso trinitário místico, admite que existe uma trindade do Bem e do Mal.


As pessoas fazem ‘pináculos’ e ‘montes’ do Ter, Ser e Poder, mas CRISTO venceu o seu lado Mal, quando foi tentado pela Antiga Serpente, o diabo, no meio da História. Por isso ELE disse: “Negue-se a si mesmo, vença o egoísmo”.


Há muita gente egóica hoje em dia, são pessoas que estão sempre por cima, a pessoa que tem essa pirâmide ou tríade do Mal na vida, significa que comeu o ‘FRUTO’.


O ‘FRUTO’ não é o que dizem os católicos, os evangélicos ou rosacrucianos, ele é o TER, SER e PODER, é ser dominado e iludido pela matéria, pelo ‘pouco’, por isso nunca será colocado e nem receberá o ‘muito’, porque nunca foi fiel no ‘pouco’ que é a matéria, o ‘muito’ é a metafísicalidade o CÉU, assim chamado tipologicamente para entendermos.


A pessoa ‘egóica’, mente compulsivamente, já perdeu o temor e o arrependimento, ela mente e simultaneamente, ou quase que simultaneamente, ela já tem uma desculpa para si mesma, para poder justificar a sua mentira. Ela rouba, desvia, não devolve o que não é dela, mas sempre tem uma autojustificativa para isso, faz o mal, derruba alguém, não tem caráter. O EGO a justificou de tal maneira que ela se ama tanto, que justifica todos os seus erros... Está cega, como a Igreja de Laodicéia que achava ser tudo, mas era nada...



Se existe uma PIRÂMIDE DO MAL, também existe na ambiguidade da vida uma PIRÂMIDE DO BEM, um Ter, Ser e Poder do BEM.



E qual é o TER, SER e PODER do BEM?


A TRÍADE DO MAL É “EGÓICA”, é ego. A TRÍADE DO BEM É “ALTRU”, é ao próximo. É no próximo onde DEUS habita e está, ELE não é invisível, está nas pessoas. Essa é a visão vertical de onde DEUS habita...


Quando a pessoa é boa no que faz profissionalmente, e pode’ financeiramente, através de dons, de talentos, ganhar muito dinheiro e com essas qualidades, estar ajudando pessoas, ou seja, ela tem’ condições para ajudar... Se alguém tem lume e condições de ganhar muito dinheiro, e ajudar muitas pessoas, será cobrado por isso... E é nesse sentido que JESUS ensinou sobre os talentos granjeados e enterrados.


"Aquele, pois, que sabe fazer o bem e não o faz, comete pecado"

'Tiago 4.17'


Usando o texto de Tiago como referência, podemos afirmar; que se alguém tem dom para ganhar dinheiro e ajudar o próximo e não faz, peca. O salvo não pode ajuntar tesouro, ajuntar para si ego, como egóico, mas sim como 'altru'.



Frases malditas como: “Uma mão lava a outra” “Vou pensar no dia de amanhã”... Isso está errado! No sistema vivem falando em arrebatamento, mas vivem juntando tesouros na Terra, falam uma coisa com a boca, mas o coração diz outra, a alma revela o que eles realmente são. Falam que JESUS vem, mas são materialistas... Isso não é só ambiguidade é contraditório...



GRANDE REVELAÇÃO


Não é somente a ESTRELA DE DAVI que representa AMBIGUIDADE, a ‘Menorah’, o ‘Candelabro’, o ‘Santo dos Santos’, neles também podemos ver essa representação de BEM e MAL.


A MENORAH representa a “sarça ardente”, a manifestação do TODO PODEROSO a Moisés, quando o chamou para ser Libertador do Seu povo no Egito, os rabinos sabem disso, ou seja, DEUS se apresentou para Moisés, com Sua ambiguidade Bem e Mal, e por isso Moisés sabia que ELE era terrível... A sarça pegava fogo como um candelabro...


Aceitamos a Ambiguidade da vida, o DEUS que controla o MAL e o BEM, como disse Jó e Paulo, mas não nos envolvemos com o ‘Triângulo Para Baixo’ as ‘Trevas’, porque estamos aqui para vencer as Trevas.


Triângulo PARA CIMA INOCÊNCIA e PARA BAIXO CONSCIÊNCIA. Quando Adão e Eva formaram o HEXAGRAMA na ambiguidade da vida, não teve mais volta... Quando a consciência fica elástica, o lume é definitivo. Quando eles começaram o crivo do ‘Domo da Vida’, debaixo do domo, criaram-se as dores, as bactérias do Mal, os vermes, os vírus, os abrolhos, e os espinheiros...



A Bíblia toda é AMBIGUIDADE.

A explicação de tudo que existe, só não enxerga isso quem não quer...



Dias especiais, não podem se tornar sagrados.

Objetos e símbolos, não podem se tornar amuletos.

Nomes e logos, não podem se tornar denominações.

Ajudas e coletas, não podem se tornar clero.

Músicas e poesias, não podem se tornar hinos.

Livros e registros de referências, não podem se tornar livros sagrados.

Ceias e festas, não podem se tornar rituais.

Ordem e responsabilidade, não podem se tornar dogmas.

Palavras e ensinos, não podem se tornar credos.

Reuniões e encontros, não podem se tornar liturgias. (AKEL)



© 2020, by AKEL, fundador da Filosofia EX, since 2012.