Buscar

#21º de 777 ✅ O NOME de JESUS perdeu PODER?

O nome de Jesus perdeu poder? Analisando os textos e seus contextos, das passagens bíblicas de ‘Mateus 28.18’; ‘’Lucas 10.19’; ‘Atos 1.8”, onde em seu conteúdo apresenta a palavra “poder” ou a conotação de poder, veremos que muitas pessoas têm interpretado erroneamente essa questão, haja visto que essa questão de “poder” nesses textos tem diferentes sentidos vejamos:


‘Mateus 28.18’; “E, chegando-se JESUS, falou-lhes, dizendo: É me dado todo o poder no Céu e na Terra”.


Neste versículo, o termo “poder” é “exousia” que provém de “exesti”. Na verdade “exousia” significa “permissão”, ou passar o bastão, o cajado...


É a hora do CRIADOR com título de FILHO, ou dispensação do Governo do CRIADOR feito FILHO. Está se referindo ao começo da dispensação do FILHO. Então a autorização é outorgada, passada de PAI para FILHO porque é o momento do CRIADOR que outrora foi PAI, e agora é FILHO.


Já em ‘Lucas 10.19’; “Eis que vos dou poder para pisar serpentes e escorpiões, e toda a força do inimigo, e nada vos fará dano algum.”


...‘vos dou poder’... Se interpretarmos esse texto de forma isolada quão místico fica. Neste versículo encontramos um eco do ‘Salmo 91.13’. Mas se alguém pega a Bíblia, caixinha de promessa e encaixa textos, monta o quebra cabeça ideológico, filosófico customizado, para sua fé, sua crença, sua filosofia; e as Escrituras não foi feita para isso. Na Escritura tem que respeitar o seu tempo, para quem, e quando está sendo dito.


Se a pessoa pega o “poder dado a JESUS”, o “poder dado a Igreja”, e o “poder dado em ‘Lucas 10.19’”. Ela vai fazer o que quer, vai imiscuindo tudo isso e tornando uma auto filosofia customizada para si, e isso é se enganar. Se formos pesquisar através da História esses seres, serpentes e escorpiões, eram reputados meio-demoníacos na mente, na filosofia religiosa da época, por isso, JESUS usou exatamente esses seres de modo tipológico, porque tudo que JESUS ensinava ELE pegava algum animal, cultura, filosofia, crença, cenário, paisagem, algo que estivesse perto dele, algo que as pessoas da daquela época conhecessem e lhes fosse familiar para facilitar o ensino-aprendizagem.


E o poder sobre o Mal, são os dons, capacidade, lume, sabedoria. Porque a sabedoria te guarda, protege, te próspera. DEUS deu dons aos homens ‘Efésios 4’, esse é o poder para vencer o Mal, foi assim que o Apóstolo Paulo se livrou da morte muitas vezes.


“Autoridade” é permissão.... E “Poder” é capacidade, dons, e ousadia...


Vale ressaltar que quanto mais matéria, menos poder, quem é materializado de Calvino, da Teologia da Prosperidade, quanto mais a pessoa amar o Ter, Ser e Poder, menos poder terá, estará mais longe de DEUS. Quanto mais 666 menos 777.


Agora quando chegamos em ‘Lucas 10.19’ nós temos sim o entendimento, que aqui sim poder é “autoridade”, para vencer a ação do Mal, ‘homens do Mal’, representada tipologicamente por serpentes e escorpiões e não em ‘Atos 1.8’.


‘Atos 1.8’ “Mas recebereis a virtude do ESPÍRITO SANTO, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da Terra.


Na passagem acima não é autoridade de PAI para FILHO, é poder, capacidade, dons, ousadia. Essa é a grande comissão presente nos 4 Evangelhos escolhidos pela ICAR para estar na sua compilação chamada Bíblia. Nesse versículo de ‘Atos 1.8’ é a permissão dada por JESUS que vai subir aos Céus, dando início a dispensação do ESPÍRITO SANTO para a Igreja. ELE estará agora não em matéria, mas dentro da Igreja em ESPÍRITO através da Sua Palavra do seu dossiê, está dando permissão a Igreja para usar o Seu Nome ‘Lucas 10.19’.


Então organicamente entendemos que recebemos permissão para ser testemunhas, e compreendemos que isso é autoridade, e testemunhar não é fazer asseclas, não é proselitizar.


Testemunhas na língua original é “martiria”, que vem da mesma raiz de mártires, a virtude para ser testemunhas implica em capacidade para vencer, morrer pela causa, desmaterialização plena, e de fato a Igreja começou com mártires em cada região citada por JESUS. Com grande poder os Apóstolos testemunhavam a Ressurreição do SENHOR JESUS, e a grandiosa Graça estava sobre todos eles...


Lembre-se: JESUS nunca fez ou mandou fazer membros de um ajuntamento solene ou instituição jurídica, mas sim, agremiações do Bem, Livres e orgânicas…

© 2020, by AKEL, fundador da Filosofia EX, since 2012.