Buscar

#118º de 777 ✅ (V) Septologia ‘ALQUIMIA & ZODÍACO', O DEUS DUAL

Atualizado: 13 de Set de 2018


NÚMERO “5” CINCO


Representado no ocultismo pela “Estrela de Cinco Pontas” ou na geometria pelo “Pentágono” . O número “5” está muito ligado ao “4”... O 4 é menos efêmero que o 5... O 5 é

limitado e vaidoso.


QUINÁRIOS IMPORTANTES


5 Continentes;

5 Dedos;

5 Sentidos;

5 Sólidos de Platão;

5 Reinos;

5 Práticas e 5 restrições da Yoga e do budismo.


Vimos que o número “4” representa a descida vertical de DEUS na matéria, a materialização holograma. A "quinta essência" é a única capaz de fazer com que as duas dualidades do 4 se anulem e façam o equilíbrio. O 4 leva à depressão e mortes sem 5, por já ter passado no crivo, e agora estar dupla dualidade...


Portanto o 5 é o meio para se ter energia, para viver e vencer o crivo que ainda não terminou...


5 é Espírito e Vida, mas também é o Mal.


“Gênesis 2.6,7” Um vapor, porém, subia da terra, e regava toda a face da terra. E formou o Senhor Deus o homem do pó da terra, e soprou em suas narinas o fôlego da vida; e o homem foi feito alma vivente.

“Um vapor” AR e ÁGUA... “subia da Terra”, pela ação do calor, ou seja, FOGO, “e regava toda a superfície do solo”...


REVELARE


O homem foi formado dos “4 elementos”, que são manifestações materiais de DEUS, quatro formas no CÓDIGO-FONTE, holograma materializado onde DEUS se subdividiu em células, núcleos, células tronco, citoplasmas, mitocôndrias, elétrons, nêutrons, prótons, todo desenvolvimento embrionário desde o "OVO" DEUS em “ovo ab ovo” até chegar no Delta da Criação, nos três reinos da Terra material. Agora diz o ‘versículo 6’ “AR e ÁGUA, “TERRA e FOGO”.


A 5ª ESSÊNCIA é RUACH que entra no homem para dar vida aos quatro elementos... Você

está entendendo que o homem foi feito dos quatro elementos?


O 5 portanto nas raízes herméticas representa o hálito, a respiração, a Vida 18.


É no 5 que DEUS deu uma página em branco, um pendrive, ou seja, um espírito ao homem.


O corpo humano é feito 90% de água e os 10% restantes são formados de substâncias sólidas, sendo sais minerais e substâncias orgânicas sendo estas, elementos químicos. Os mesmos que em proporções adequadas, formam a terra. Toda função orgânica precisa e só acontece com o fenômeno da oxidação, que vem através do calor, um dos atributos do fogo

e, pelo ar...


O QUINTO ELEMENTO presente nos outros quatro elementares, é vida e energia una, mas sem ele, é cadáver, morte e adubo para a natureza se recompor.


Para esotéricos, a Estrela de Cinco Pontos representa: duas pontas inferiores da Estrela são as pernas de um homem; duas pontas laterais representam seus braços abertos e a ponta superior representa a cabeça. A Estrela também representa o Microcosmo.


O 5 também representa o início do Mal no homem, tal como toda dualidade...



GRANDE REVELARE


Como “QUINTO ELEMENTO” o ESPÍRITO de DEUS colocou no homem um espírito. E este espírito é a forma figurada de dizer: nossas escolhas, nossa vida, nossa chance de mostrar ao CRIADOR se somos “Sua Evolução ou Involução”... ELE não aceitará os que nada O evoluem.


Ele batizou no homem 5 sentidos principais.


“Adão foi o primeiro homem que já nasceu cadáver”. Quando estava ali, aquele corpo humano, o protótipo vindo do ar, fogo, terra e água, recebeu os quatro elementos que entraram nessa dimensão inferior materializando-se. Em seguida desceu o QUINTO ELEMENTO nele, e esse é metafísico e não material, O RUACH, e produziu vida no homem, então começou a contagem do “Cronos”, o TEMPO.


Os 5 sentidos principais: o “tato” faz com que suas decisões sejam materializadas em provas cabais contra ou a favor da pessoa.

O “paladar” liga-se aos instintos.

O “olfato” relaciona-se com o corpo dos desejos.

A “audição” afeta o corpo mental.

E a “visão” estimula a vontade.

Interligados estão a outros 5: respiração, digestão, circulação, excreção e reprodução.


O 5 também representa a cruz com o sol do cristianismo. E se o 5 é o homem pronto para iniciar suas escolhas, o próximo é o MAL, o CRIVO...



NÚMERO “6” SEIS


A Teologia diz que o “6” é o número do homem, mais um erro! Porque ele é o número do MAL. Representa o grande símbolo de Salomão, a “Estrela de Seis Pontas”, geometricamente é o “Hexágono” que pode ser visto no centro do signo ou selo de Salomão.


6 patas de alguns insetos como a barata. O 6 é um número perfeito na matemática, divisível pela soma dos divisores.


O número 6 é o homem, já o 5 é um reflexo da SABEDORIA do ABSOLUTO, é um investimento Divino... A Estrela de Davi assim como seu nome DVD... “666” é o emblema do poder divino e da fraqueza humana. O 6 é o símbolo da ambiguidade completo, assim como 6 velas do Candelabro sem a do meio...


O 6 é o delta do BEM e o delta do MAL plenos. As duas trindades completas, na “Oficina Divina”, ele é o grande crivo...


Como falamos no capítulo anterior, sem o Mal o Bem não existiria. O Bem não seria bem, seria mecânico, falso, sem crivo e hipócrita.


O 6 também representa Davi e Salomão; Cristo e Anticristo; o CÉU “imatéria” e a TERRA “matéria”; representa o micro e o macrocosmos.


Representa o ápice do hermetismo, na sentença de Hermes... “O que está embaixo é como o que está em cima” (5 a 7 séculos a.C). JESUS repetiu isso: “...assim na terra como no céu...”


O 6 representa a REHOLOGRAMAÇÃO “Hades-Sheol”. Como vencer um crivo? Conhecendo o crivo! Como vencer um inimigo? Conhecendo o inimigo! Qual é o nosso maior crivo e maior inimigo? O “ego”, o “orgulho”, nós mesmos, o Mal, Delta de vértices: TER, SER e PODER.


“O Evangelho pressupõe renúncia de ego.”


Sabe o que mais existe no Cristianismo, no Judaísmo que são as duas principais religiões que usam a Escritura? Existe culto ao egoísmo, egolatria, são as religiões mais egóicas, que conhecem exatamente as frases, os parágrafos, os incisos, os artigos, as referências e as histórias daqueles que venceram o seu “eu”, o ego, mas não vivem esses exemplos...


Muitos vão perder o crivo, estando inaptos na Evolução de DEUS, não merecendo existir por não conhecerem a si próprios, julgam bem os outros e praticam todo tipo de Virtudes do Mal que envolvam terceiros e semelhantes, mas não conhecem seus males, fingem não conhecer seus defeitos mais ocultos, não assumem suas fraquezas. Na maçonaria é dito uma máxima: “A evolução do homem é realmente o desenvolvimento do “ego” ou “eu” superior”...


Depois das 6 velas duais da Menorá, estamos prontos para a vela do centro, o número “7”.



NÚMERO “7” SETE


O número do BEM conhecido erroneamente, apenas como número da “Perfeição”... O “7” SETE era o “X” representava incógnita na antiguidade...


Descartes utilizou “X”, “Y” e “Z” como valores desconhecidos em uma equação apenas no século XVII. Foi neste século que a Filosofia dicotomizou em Francis Bacon que pregava o “Empirismo”, que tinha como ideologia a visão que, a pessoa tem que experimentar, vivenciar pela dualidade... Ele afirmava que o homem tem que receber o "não" na prática. Tem que viver a teoria, não existe evolução sem vivência, sem sofrimento e dor. Mas por outro lado para equilibrar essa ambiguidade filosófica, René Descartes defendia o racionalismo, onde ele refutava muito as tradições e sistemas. Segundo ele a RAZÃO que eu AKEL chamo de ÓBVIO ou COERÊNCIA, é o único caminho para se alcançar a verdade!


Então Francis Bacon dizia: “Tem que experimentar só raciocinar não vai que evoluir!”. E Descartes afirmava: “Evolua pela coerência”! os dois estavam certos, porque se analisarmos chegaremos a seguinte conclusão; depois que a pessoa aprende, encontra a coerência das coisas, ela precisa vivenciar aquilo...


Evolução não se compra com dinheiro, e sim, com dor e sofrimento! A linha metafísica estabelecida por DEUS é: “Perder é Ganhar”! O vitorismo é involução...


SUÁSTICA DEXTRA: Representa o "7, a Suástica já teve outros significados em outras muitas culturas. A representação ocultista tem a “Suástica Dextra”, ao contrário da suástica sinistra, símbolo nazista... A etimologia da suástica é impressionante e reveladora. Prefixo “SU”, significa “BOM ou BEM” e o sufixo “ASTI”, é uma forma abstrata para representar o verbo “SER” do “EU” do ego. Logo o entendimento de suástica é “Ser do Bem”,Bem do Ser”.


Segundo Pitágoras é um número sagrado. O símbolo da PAZ também é o “3” e o “7”...


A NATUREZA SÉTUPLA: os 7 raios, 7 notas musicais, 7 cores primárias, 7 iniciações as 7 sete belas artes, 7 planetas principais, 7 no Apocalipse, 7 dias da Criação, 7 dias da semana, 7 planos, 7 giros, 7 raças, 7 pecados capitais e os 7 sacramentos...


A divisão da Vida em períodos de 7 anos... 7 é o número do Bem, da Luz, da Sofia e da Verdade.


“João 18:38” Disse-lhe Pilatos: Que é a verdade? E, dizendo isto, tornou a ir ter com os judeus, e disse-lhes: Não acho nele crime algum.


Primeiro JESUS não quis dizer a Pilatos a verdade, aguardando a hora certa para falar discernindo a intenção de Pilatos, concluindo com o suicídio dele por nós... ELE foi para o inferno por nós...



SELÁ! "A cruz foi o inferno, o purgatório de JESUS!"


O CRIADOR investiu na humanidade, pagando ao quarto dia a maior parcela, sua própria vida! A Verdade Relativa... A vontade Soberana maior...


Para herméticos a história de Hiram Abiff, o arquiteto de Salomão é a grande inspiração para o 7. Seu assassinato já comporta em composição numérica para profundas cogitações. Segundo estudo que se baseia nisso existem 3 inimigos do homem: o FANATISMO, a IGNORÂNCIA e a AMBIÇÃO. O Delta para baixo a ser vencido no 7, um após o Hexagrama.


REVELAÇÃO


A Torre de Babel foi construída como o “Delta”, com 7 silharias pelos caldeus. “Silharia” é uma pedra lavrada e aparelhada usada na formação e revestimento de paredes. Os tijolos de pedra eram quadrados, cúbicos e triangulares, feitos para a Torre de Babel. E que representam a “Pirâmide do Mal”, da ambição, do ego. E a parte do Templo de Salomão foi

feito com a mesma silharia.


O mesmo Delta visto por Jacó em sonhos, ligando Terra e Céu, as 7 silharias estavam, cada uma delas dedicada a um dos luzeiros celestes principais até então conhecidos como:

Sol, Lua, Marte, Mercúrio, Júpiter, Vênus e Saturno...


SELÁ! A humanidade nunca se esquece de alimentar sua matéria, mas quase toda ela não se lembra de alimentar sua alma; e aqueles que se lembram, fazem através do ritualismo, liturgias ou misticismo, no caso da cientologia... A alimentação da alma “consciência” só existe através da "sabedoria"...

© 2020, by AKEL, fundador da Filosofia EX, since 2012.